Secretaria da Saúde Portal Sesab SUS - 20 Anos
English Spanish

Últimas Notícias

Com estoque crítico para sangue dos grupos A e O, Hemoba promove coleta itinerante na Fazenda Grande do Retiro

E-mail Imprimir PDF

Para estar mais próxima das comunidades, a Fundação Hemoba leva seu ônibus de coleta à Fazenda Grande do Retiro, em Salvador, a partir desta terça-feira (25), com atendimento aos voluntários no estacionamento da Guarda Civil Municipal até sexta-feira (28), das 8h às 17h. Na unidade serão realizadas coleta de sangue e cadastros de doadores de medula óssea no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome).

 


Foto: Ascom/Hemoba


“No momento, estamos com o estoque baixo para sangue dos grupos A e O, que são os mais comuns na nossa região e têm maior demanda. Por isso convidamos nossos doadores a irem a um dos nossos pontos de coleta na Bahia. Além da coleta itinerante com o hemóvel, em Salvador também estamos realizando coletas externas em dois grandes shoppings. O momento pede a solidariedade de todos”, relata o diretor da Hemoba, Fernando Araújo.

Para realizar a doação no hemóvel não é necessário agendamento prévio. Os atendimentos são feitos por ordem de chegada, de acordo com a demanda espontânea de voluntários. Durante a pandemia, é permitida apenas a entrada de dois doadores por vez, com higienização constante dos espaços comuns.

Em Salvador – as doações também podem ser realizadas na sede da Hemoba, Vasco da Gama, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h e aos sábados das 7h às 12h30; nas unidades dos shoppings Salvador e Salvador Norte, de terça-feira a sábado, das 10h às 18h; no Hospital do Subúrbio, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h e das 13h às 16h30; e no Hospital Irmã Dulce, de segunda a sexta-feira, das 7h10 às 11h30 e das 13h às 16h.

Sobre a doação – Para doar sangue, o voluntário deve estar de máscara, em boas condições de saúde, sem sintomas virais, pesar mais de 50 quilos, estar bem alimentado, ter dormido pelo menos 6h, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12h, não fumar por, pelo menos, duas horas, e ter entre 16 e 69 anos incompletos. Menores de 18 anos precisam estar acompanhados de um responsável legal, e apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.

Pessoas que se vacinaram contra a Covid-19 com a vacina da Coronavac, poderão doar sangue após 48 horas. No caso do imunizante da AstraZeneca e da Pfizer, as pessoas podem doar após sete dias da vacinação. Durante a pandemia, a recomendação é de que pessoas com mais de 60 anos permaneçam em casa.

 

Ascom Hemoba